Cerimónia de abertura da Seminário de Partilha de Experiência da Índia no envolvimento de provedores de insumos agrícolas nos Pólos de Investigação e Transferência de Tecnologias

O Ministro da Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e Técnico-Profissional, Jorge Olívio Penicela Nhambiu, orienta a Cerimónia de abertura da Seminário de Partilha de Experiencia da Índia no envolvimento de provedores de insumos agrícolas nos Pólos de Investigação e Transferência de Tecnologias, evento a ter lugar sexta-feira dia 25 de Agosto do ano corrente, as 8:45hrs, na Sala de Conselhos do Ministério da Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e Técnico Profissional, sita na Av. Patrice Lumumba, N 770, cidade de Maputo.

 

O seminário tem como objectivo, definir mecanismos de ligação entre os produtores beneficiários da transferência de tecnologias promovida pelos Pólos de investigação e Transferência de Tecnologias para o aumento da produtividade do arroz, milho e trigo e as empresas ou instituições nacionais provedoras de insumos.

 

Participarão do seminário, quadros do Ministro de Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e Técnico Profissional, Administradores dos Distritos abrangidos pelos Pólos; Coordenadores dos Pólos; Especialistas Indianos; Técnicos do Centro de Investigação e Transferência de Tecnologias para o Desenvolvimento Comunitário (CITT) e Representantes das empresas provedoras de Insumos.

Para além da partilha da experiencia da Índia na ligação entre os produtores e as empresas ou instituições provedoras de insumos agrícolas, espera se como resultado desta reunião a elaboração de um plano de acção que permita a ligação dos produtores beneficiários dos pólos e as empresas ou instituições provedoras de insumos em Moçambique.

De referir que o país conta com seis pólos de investigação e transferência de tecnologias para o aumento da produção e produtividade de arroz, trigo e milho, nomeadamente: Angoche (Nampula), Angónia (Tete), Manica e Báruè (Manica), Caia (Sofala) e Mandlakazi (Gaza).

Os pólos em referência tem como objectivo reforçar a capacidade nacional nas componentes de investigação, transferência de tecnologias e formação nas culturas de arroz, trigo e milho, com maior incidência na criação de infra-estruturas para a investigação e transferência de tecnologias, visando atingir pequenos produtores, estudantes e extensionistas. Neste momento os pólos estão a beneficiar 9 410 produtores nos locais acima descritos com perspectiva de atingir 12000 produtores em 2018.

Sobre Nós

Natureza: O Ministério da Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e Técnico-Profissional (MCTESTP) é o órgão central do Aparelho do Estado que, de acordo com os princípios, objectivos, políticas e planos definidos pelo governo, dirige, planifica e coordena as actividades no âmbito da Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e Técnico-Profissional. Foi criado pelo Decreto Presidencial n.º 1/2015, de 16 de Janeiro.

Visão : Formular políticas para o desenvolvimento integrado, articulado e qualitativo da Ciência e Tecnologia, dos Ensinos Superior e Técnico-Profissional, com vista à indução do crescimento e desenvolvimento socioeconómico de Moçambique.

Missão: Promover a oferta de soluções científicas e tecnológicas aos cidadãos nas áreas estratégicas de desenvolvimento definidas nos programas do Governo de Moçambique, aliado à promoção do acesso, expansão e garantia de qualidade de ensino nos níveis de Ensino Técnico-Profissional e Superior em Moçambique.